Por que ficamos arrepiados com o hino nacional?

Por Felicia Jennings-Winterle
Coluna LIP

Toda vez que toca o hino nacional, especialmente em grandes campeonatos como a Copa do Mundo, algumas pessoas se arrepiam; outras até choram. Eu e o Neymar somos suspeitos para falar. Mas por que isso acontece? Vamos lembrar um pouco das aulas de ciências para dar essa explicação.

selecao-hino

Arrepios são um fenômeno fisiológico involuntário (que acontece sem querer) herdado do processo de evolução. Quando estamos com frio, com medo ou emocionados, mini músculos que são anexados a cada cabelinho contraem e essa contração cria uma depressão ao redor do pêlo. Isso dá a impressão que os cabelinhos ficaram em pé. É uma resposta a uma situação de stress – de perigo, de nervoso ou de emoção. Mas no caso das emoções, arrepiar-se pode ser considerado como um clímax cutâneo. Esse fenômeno é ligado à estimulação do sistema nervoso simpático, que controla a reação de lutar ou fugir. Esse transbordar de emoções afeta o fluxo sanguíneo no cérebro e é associado com recompensa, motivação e excitação. Já que essa reação é um reflexo mental, não pode ser fingida.

goose-bumps-emotions-120803-676399-

Arrepiar-se é então possível através da secreção inconsciente do hormônio adrenalina. Nos humanos a adrenalina é produzida por duas glândulas que estão localizadas bem em cima dos rins, e causa a contração muscular que resulta em arrepio. Isso acontece quando estamos com frio, com medo ou emocionados. Causa também choro, mãos suadas, tremores, coração acelerado e aquele “frio na barriga” que dá antes de uma prova ou a caminho de um encontro com a pessoa amada.

Interessante também é o fato de estudos recentes revelarem como o arrepio pode demonstrar admiração não só por uma nação e o que ela representa pessoalmente para cada um de nós, mas também pela(s) pessoa(s) executando o hino. Quem não se emociona quando o playback do hino para de tocar e o estádio inteiro continua a cantar a capella? Quer dizer, você se arrepia se a música é bem tocada ou/e tem relações afetivas que despertam memórias, felizes ou tristes.

Screen Shot 2015-10-20 at 8.49.02 PMFelicia é educadora e pesquisadora sobre o português como língua de herança. Fundadora da Brasil em Mente, é editora da Plataforma Brasileirinhos.
© Nosso conteúdo é protegido por direitos autorais. Compartilhe somente com o link, citando: Plataforma Brasileirinhos, Brasil em Mente.

Um comentário em “Por que ficamos arrepiados com o hino nacional?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s